Search

Dê ao seu templo o descanso que ele merece/Give your temple the rest it deserves


<3

Na postagem anterior, disse que começaria uma série de textos falando sobre alguns hábitos que considero muito importantes para se ter uma vida saudável, logo, estou aqui novamente para comentar sobre o próximo tópico:


2- Durma cedo


Acho que para algumas (muitas) pessoas, estou pegando no calcanhar de Aquiles, no ponto fraco…sim, eu sei.

Vamos construir o raciocínio juntos? Vivemos numa sociedade moderna, certo? Sim…

Temos eletricidade, ou seja, luz e tudo funciona mesmo que esteja escuro, certo? Neste ponto, mais ou menos…


As máquinas sim, mas nossos corpos, que apesar de serem milagrosamente melhores, não…


Nos tempos longínquos de nossos antepassados, quando a eletricidade ainda não era uma realidade, pessoas acordavam com o nascer do Sol e dormiam pouco depois dele se pôr, por que? Porque no escuro tornavam-se presas vulneráveis para outras criaturas, e simplesmente não conseguiam enxergar ou fazer qualquer coisa no breu, na escuridão. Não havia muito o que pensar, acordavam cedo, faziam o que era necessário para sua sobrevivência durante o dia, e o mesmo à noite: buscavam abrigo seguro para dormir; seguiam o ritmo da natureza – linda e exuberante de dia, e silenciosa à noite.


Ninguém aqui está dizendo que devemos voltar ao ritmo da vida nas cavernas, somos seres racionais e devemos desenvolver-nos com certeza, mas o fato é, devíamos nos desenvolver de forma a acompanhar os ciclos da natureza e dos nossos corpos – que por sinal, fazem parte desta mesma natureza.


A ciência já comprovou que temos um relógio biológico, também conhecido como ciclo circadiano, que nos faz funcionar de acordo com a luminosidade que o sol emite. Ou seja recebendo essa luz solar na quantidade adequada, temos energia suficiente para funcionar e vivermos adequadamente durante o dia, e na ausência dela, substâncias são produzidas em nossos corpos para induzir o sono, o descanso. Sendo assim, a noite é literalmente feita para dormirmos.


Porém, com o avanço da tecnologia, as emissões luminosas de nossas telinhas – de todos os tamanhos, ficaram cada vez mais semelhantes às emitidas pelo Sol, no quesito que dispara e altera nossa produção hormonal, alterando profundamente nosso sono; mas não nos pontos benéficos que só a luz solar promove, como por exemplo, auxiliar na produção de vitamina D, dos ossos e outros.


Sendo assim, ficamos cada vez mais em ambientes com luz artificial, tanto de dia e, pior ainda, à noite, que nos estimulam em excesso e não nos dão nenhum dos benefícios da luz solar. Na hora de dormir, ainda pior, celulares nas mãos quando deitados na cama, tudo escuro e aquela luz super brilhante estimulando nossos cérebros e hormônios… isto deixa o corpo confuso, doidinho… e quando não sem sono, deixa com um sono bem ruim: superficial, agitado etc…


Acho que já deu para entender um pouquinho né?


Agora vai: Deveríamos tentar dormir antes das 22h, pelo menos!


Segundo o Ayurveda, a nossa energia máxima de digestão tem dois picos ao longo das 24horas convencionais: o pico do Sol, que seria o horário adequado para almoçarmos, e mais ou menos entre 22h e 2 da manhã, que se pensarmos bem também é o pico do sol, só que para quem vive no outro lado do globo.


O primeiro pico para nós, o do almoço, é mais adequado para digerir alimentos mesmo (mas não só, é claro), já o segundo, nosso horário de dormir, é o horário para digerirmos tudo que assimilamos em termos mentais (emoções, aprendizados de todos os tipos etc). Note que, geralmente, quando passamos um pouco deste horário e não vamos dormir, o sono que estávamos sentindo passa, porque o corpo se ativa novamente, e assim não processa adequadamente o que deveria.


Tornando isso um hábito o corpo não descansa adequadamente, a mente não processa adequadamente o que deveria e ao longo do tempo isso vai trazendo transtornos para nossas vidas em forma de distúrbios relacionados à fadiga, memória e sistema nervoso, sejam pontuais ou crônicos.

Sei que a vida está corrida para todo mundo, mas dá para baixar um pouquinho este ritmo e tornar nossa vida mais saudável, você não acha?


Afinal, para que adianta termos tanta informação e tanta produtividade se no fim estaremos doentes e nem aproveitaremos direito o que está disponível?


Passamos a vida tentando acumular informação, riqueza e poder, para depois gastar tudo isso tentando recuperar a saúde e então viver… (parafraseando Dalai Lama)


Para nós seres inteligentes, racionais, é um caminho um tanto incoerente, não acha?

Sinta-se à vontade para compartilhar suas experiências ou para perguntar qualquer coisa! ;-)

Beijinhos de Luz!;-)


Cuide do seu corpo, ele é o ÚNICO lugar que você tem para viver...

On the previous post, I said I’d start a series of texts talking about some of the habits I consider very important for having a healthy life, so, I’m here again to talk about the next topic:


2- Sleep early


I guess that for some (many) people I’m touching their Achilles’ heels, their weak spot…yeah, I know.

Let’s build the logic together, shall we? We live in a modern society right? Yes…

We have electricity, or, light, and everything works even if it’s dark, right? On that subject, kind of…


The machines do, but our bodies, even though they’re miraculously better, don’t…


In the old old times of our ancestors, when electricity wasn’t even a reality, people used to wake up with the Sunrise and sleep little after the Sunset, why? Because in the dark they’ve become vulnerable preys to other creatures, and they simply couldn’t see or do anything in the darkness of the night. There wasn’t much to think, they woke up early, did what was necessary for their survival during the day, and the same at night: they looked for safe shelter to sleep; they followed nature’s rhythm – beautiful and exuberant during the day, silent at night.


Nobody here is saying that we should go back to the caverns time rhythm, we’re rational beings and we should develop for sure, but the fact is, we should develop in a way that follows the cycles of nature and body cycles – which, by the way, are part of nature.


Science has proved we have a biological clock, also known as circadian cycle, that makes us function according to the light the sun emits. In other words, when receiving this sun light in the proper amount, we have enough energy to function and live properly during the day, and in its absence, substances are produced in our bodies to induce sleep, rest. Therefore, night is literally ‘made’ for sleeping.


However, with technological advances, the light emissions of our screens – of all sizes, became more and more similar to the ones transmitted by the sun, when it comes to triggering and modifying our hormones production, changing profoundly our sleep, but not when it comes to the benefits only the Sunlight promotes like, help in Vitamin D production process, bones etc.


Thus, we stay more and more in places with artificial light, during the day and, even worse, during the night, that excessively stimulate us and give us none of the benefits of the sunlight. At bed time, even worse, cell phones in hands when lying in bed, all dark and that super bright light stimulating our brains and hormones… this leaves our bodies confused, really… and when it doesn’t leave us awake, leaves us with a very bad sleep: superficial, agitated, etc…


I guess it’s possible to understand a little now, isn’t it?


Now here it goes: We should try to sleep before 10pm, at least!


According to Ayurveda, our maximum energy for digestion happens in two periods along the conventional 24hrs: during the sun’s peak, that would be the appropriate time to have lunch, and more or less in between 10pm and 2am, which if we think about it’s also the sun’s peak, but to the ones that live in the other side of the Globe.


The first peak for us, at lunchtime, is more adequate to digest food itself (but not only, of course), but the second, our sleep time, is the time for us to digest everything we took in in terms of mind (emotions, learnings of all kinds, etc). Notice that, generally, when we pass a little bit from this time and don’t go to sleep, the sleepiness we were experiencing goes away, because our bodies activate again, and this way it doesn’t process properly what it should.


Making this a habit, the body doesn’t get the proper rest, the mind doesn’t process properly what it should and with time this creates disorders in our lives in the form of disturbances related to fatigue, memory and nervous system, being them chronic or not.

I know life is hectic for everybody, but it is possible to slow this rhythm down (even if it’s just a little) and make life healthier, don’t you think?


After all, why do we need so much information and so much productivity if in the end we’ll be sick and won’t be able to enjoy what’s available?


We go through life trying to accumulate information, wealth and power, and later we need to spend it all trying to recover health in order to live…(paraphrasing Dalai Lama)


For us, intelligent, rational beings it’s a bit of an incoherent pathway, don’t you think?

Feel free to share your experiences or to ask any questions! ;-)

Little kisses of Light! ;-)

46 views

​© 2018 Semeia Vida by Tatiana Lopes.